Envelhecimento da pele: porque acontece e como evitar

Envelhecimento da pele: porque acontece e como evitar

O envelhecimento da pele é um processo natural, com diferentes manifestações no corpo. O rosto é uma zona exposta a agressões constantes, e, por isso, apresenta um envelhecimento mais notório.

Contudo, existem diversos hábitos que contribuem para atenuar esse processo. Descubra tudo sobre o envelhecimento cutâneo e como pode preveni-lo!

Como é que a pele envelhece?

O envelhecimento corresponde a um abrandamento do metabolismo ao longo do tempo, que se reflete em todo o corpo. Uma vez que a principal função da pele é como barreira entre o corpo e o ambiente que nos rodeia, está especialmente sujeita aos fatores externos. Assim sendo, o envelhecimento cutâneo é bastante evidente.

Entre os 25 e os 30 anos, surgem alterações da textura e cor da pele, enquanto as primeiras rugas se instalam.

Além disso, a produção de sebo diminui. Assim, a barreira da pele torna-se mais seca, fina e, portanto, menos resistente.

Os principais sinais de envelhecimento da pele apresentam-se como:

  • Perda de brilho
  • Flacidez
  • Secura
  • Desconforto
  • Manchas
  • Linhas e rugas

Todos estes sinais têm um grande impacto na autoestima e confiança pessoal. Assim sendo, mais importante do que tratar é prevenir e minimizar o seu aparecimento.

Fatores que potenciam o envelhecimento

Antes de mais é importante perceber que o fenómeno de envelhecimento cutâneo é influenciado por diversos fatores. De facto, ainda que a genética seja responsável por cerca de 30%, a restante percentagem está diretamente ligada ao ambiente e ao nosso estilo de vida.

Ao longo do tempo, as agressões constantes dos raios UV, poluição, tabaco, radicais livres, etc., excedem a capacidade das nossas defesas naturais e o envelhecimento acelera. Neste sentido, a exposição ao sol tem um enorme peso, sendo responsável pelo fotoenvelhecimento da pele.

Fotoenvelhecimento cutâneo

É impossível falar de envelhecimento sem referir o impacto da exposição solar. Com uma simples comparação do envelhecimento entre as zonas normalmente expostas ao sol e as zonas cobertas, são visíveis os efeitos dos raios UV.

O fotoenvelhecimento causa rugas, manchas e certas lesões, que podem mesmo evoluir e ter um impacto negativo na saúde.

A resistência aos raios UV é variável: peles claras têm menor resistência do que mais escuras e, assim, envelhecem muito mais rapidamente. Além disso, é claro que a intensidade e a duração da exposição solar tem também um papel importante.

A verdade é que muitas pessoas ainda utilizam protetor solar apenas no verão. Mas será mesmo necessário utilizar durante todo o ano? Sim, mesmo nos dias mais cinzentos!

No meio de tantas opções, chega a ser difícil escolher um protetor solar. Contudo, siga as nossas dicas para encontrar o ideal para o seu tipo de pele.

Como proteger a pele do fotoenvelhecimento

Para manter a pele jovem e bonita durante mais tempo, o básico é manter uma rotina diária adaptada às suas necessidades. Neste sentido, é fundamental a limpeza e hidratação da pele, essenciais em todos os tipos de pele.

Além disso, existem ainda certos cuidados que devemos manter para atrasar o envelhecimento.

Assim sendo, é importante manter uma boa proteção solar durante todo o ano, bem como associar antioxidantes à rotina diária. Isto porque estes ingredientes irão, em conjunto com o protetor solar, criar uma barreira protetora ainda mais eficaz!

Produtos Eucerin de cuidado de rosto antienvelhecimento e antioxidantes.

Neste sentido, poderá então incluir na sua rotina produtos com ação antioxidante, como os que lhe sugerimos:

Por outro lado, devemos fugir do tabaco, stress e seguir uma alimentação saudável, com uma adequada ingestão diária de água.

Todos estes hábitos irão contribuir para manter uma pele bonita durante mais tempo. Siga assim as nossas dicas no combate ao envelhecimento e desfrute da juventude da sua pele!

0 Partilhas